Archive | November, 2005

Abertura da 7 ª Semana Municipal da Umbanda e das Religiões de Matriz Africana de Guaíba

22 Nov

“LEVANDO AO MUNDO INTEIRO A BANDEIRA DE OXALÁ,” , com esse clima de levantar a bandeira os religiosos de Guaíba demonstram muita união ao abrir a 7 º  Edição da Semana Municipal da Umbanda e das Religiões de MAtriz Africanas. união

Foi na Administração de Manuel Stringuini que muitas vezes as portas da Prefeitura esteve fechada para o movimento  da religião Afro Brasileira, no municipio. A lei 1.402/98 que institui a semana da cânticos aumbanda, era somente para ser festejada uma semana, mas foi a salvação para as religiões afro no municpio, o momento mais forte foi quando os neo-pentecostais entram para dentro das estruturas de poder público, e tudo que era solicitado que dava indicio que era da matriz afro eles bloqueavam, foi nesse momento que nos damos conta que tinhamos um instrumento legal e que deveriamos fazer valer, com a força da união derrubamos os caminhos da intolerância.

Não paramos de demandar projetos, chegou um momento  que só recebiamos “NÃO” a tudo que solicitavamos.cânticos d

Então,radicalizamos  fomos  para o meio da Praça da Gastão Leão ( Praça da Bandeira) sem a minima estrutura , com o proposito de denúnciar a população guaibense a intolerância religiosa e má vontade politica  da   administração pública em apoiar grupos vulneráveis.

No ano seguinte , foi construido o Departamento da Cultura Negra, a historiadora Miriam Leão foi a pessoa que estava a frente do departamento, nesse anos o departamento ajudou a organizar a semana da Umbanda e sensibilizou os gestores quanto sua responsabilidade.

lanaça fO Responsável pela pasta da Secretaria de Turismo e Cultura Secretário Vinicius Polanskiz, sensibilizado,

discurso prefeito

Mãe Carmen de Oxalá, ao lado do Prefeito Manuel Stringuini , que desde a aprovação da execução da lei é a primeira vez que  o poder público assume o seu papel de imparcial, tolerante , e consciente que deve  governar igualitariamente para todos.cânticos b

Os religiosos com a união renovam o compromisso de lutar pela moral , ética e o respeito a bandeira da Umbanda e da religião de Matriz Africana.

discurso prefeito b