Archive | July, 2011

O Ylê Axé Ossanhe Agué em Santa Maria

30 Jul

Pai ricardo de OssanhaEste final de semana foi muito especial para o O Ylê Axé Ossanhe Agué,   que está localizado na cidade de Santa Maria. A comunidade de terreiro com 20 anos de atividades  religiosas e política, no sábado (30)  ás 15 hs fez a assembléia de fundação , isto é adquir a existência formal perante a lei (que chamamos de personalidade jurídica), o registro de seu estatuto social e de sua ata de fundação no Cartório de Títulos e Documentos de Pessoas Jurídicas. A partir do registro, a associação passa a possuir plena capacidade de direito, ou seja, ela possui personalidade jurídica e, portanto, a capacidade de  tornando-se um ator social que estará sujeito a direitos e obrigações. O trabalho social do Ilê com a comunidade do entorno, já possuia uma função social relevante e agora com toda a certeza com a documentação legitima ainda mais as ações, além de  ser mais uma bandeira que será erguida para elevar o nome da religião no municipio e no estado. A Revista Conexão Afro, Associação Conexão Comunitára  Assobecaty, parabeniza  a iniciativa de Pai Ricardo de Ossanha Aguê e Pai Nei de Ogum  AXÈ de Mãe Carmen de Oxalá !!

Advertisements

Dia da Mulher Afro-Latina e Caribenha Programação È Comemorado na sede do Africaxé, na Morada do Vale I – Gravatai

30 Jul

 

 Mãe Fatima Aconteceu no domingo (24/07), comemoração ao Dia da Mulher Afro Latina e Caribenha. A programação ocorreu na sede da Africaxé, na rua Dario Totta, Morada do Vale I, das 10h às 18h. A iniciativa é da Prefeitura, através das Assessorias de Políticas Públicas Para a Mulher (APPM), o Idoso (APPI), a Juventude (APPJ), o Negro (APPN), Pessoas com Deficiência (APPPD) e do Programa de Orientação e Proteção ao Consumidor (Procon), em parceria com diversas entidades da sociedade civil.

Conforme a assessora da APPM, Vera Quintana, a data é lembrada mundialmente na segunda-feira (25/07). “Em Gravataí faremos no domingo para possibilitar que um número maior de pessoas possam participar das atividades”, explicou. Vera conta que este dia foi criado em 1992, durante o primeiro Encontro de Mulheres Afro-Latino-Americanas e Afro-Caribenhas, em Santo Domingo, na República Dominicana. “Estipulou-se que este dia seria um dia de luta e de resistência da mulher negra”, salientou.

Segundo a presidente do Africaxé, Maria de Fátima Rodrigues, o objetivo de comemorar a data no Município é ampliar e fortalecer as organizações de mulheres negras e construir estratégias para a inserção de temáticas voltadas para o enfrentamento do racismo. “Também será dia de lutar contra o sexismo, discriminação, preconceito e demais desigualdades raciais e sociais, ampliar parcerias, dar visibilidade à luta, as ações, promovendo e valorizando o debate sobre a identidade da mulher negra brasileira”, ressaltou.

Programação
Estão programadas várias oficinas: culturais de capoeira com a Liga Gravataiense de Capoeira; de Beleza Afro-Maquiagem e Penteados de Tranças com o Grupo Africaxé; de Máscaras com Balões pela Associação de Artistas Visuais (AGIR); Feira de Gastronomia Afro; oficina de porta-estandarte e passistas da Escola de Samba Acadêmicos de Gravataí; além de apresentações musicais. No encerramento haverá uma homenagem ao aniversário do Africaxé.

A atividade tem parceria com: Grupo Africaxé, Escola de Samba Acadêmicos de Gravataí, Escola de Samba Cativos, Escola de Samba Unidos do Vale, AGIR, Associação Beneficente Seis de Maio, Liga Gravataiense de Capoeira, Associação Labirinto e Federação Brasileira das Religiões Afros e Umbanda (Concaugra).

Chegou em Porto Alegre Prof. Dra. Yá Cecilia do Ilê Axé de Maroketu de Salvador

24 Jul

100_0862O Rio Grande do Sul amanheceu ensolarado, depois de semanas de frio e mau tempo. Prognóstico de dias mais quentes e melhores para receber a antropóloga bahiana Dra Yá Cecilia Conceição Soares, que vem a Porto Alegre à convite do Ilê de Tradição Templo de Yemanjá – ASSOBECATY. Para comemorar o Dia da Mulher Afro Latino Caribenha, Mãe Carmen de Oxalá produziu a estada da Yá compondo parcerias com a Prefeitura Municipal de Porto Alegre – PMPA, com a Secretaria Estadual do Estado da Cultura/ Diretoria de Cidadadania Cultural e com a Secretaria Especial de Promoção da Igualdade Racial – SEPIR, além de diversos parceiros da sociedade civil como a Central do Movimentos Populares – CMP. 100_0863
     Ao chegar Yá Cecilia foi recepcionada no aeroporto por Mãe Carmen de Oxalá. À tarde será dedicada ao roteiro turístico e a boa mesa da culinária afro gaúcha, sem dispensar logo mais, o jantar em uma churrascaria na cidade.
100_0867

Nos próximos dias, no entanto, as atividades serão intensas: uma programação com palestras, bate papo, roda de capoeira, entrevistas e até um projeto de exposição fotográfica estão aguardando pelas Yalorixás.
    Para acompanhar e participar  das atividades acesse o programa no endereço

WWW.conexãoafro.wordpress.co

Chegou em Porto Alegre Prof. Dra. Yá Cecilia do Ilê Axé de Maroketu de Salvador

24 Jul

100_0862O Rio Grande do Sul amanheceu ensolarado, depois de semanas de frio e mau tempo. Prognóstico de dias mais quentes e melhores para receber a antropóloga bahiana Dra Yá Cecilia Conceição Soares, que vem a Porto Alegre à convite do Ilê de Tradição Templo de Yemanjá – ASSOBECATY. Para comemorar o Dia da Mulher Afro Latino Caribenha, Mãe Carmen de Oxalá produziu a estada da Yá compondo parcerias com a Prefeitura Municipal de Porto Alegre – PMPA, com a Secretaria Estadual do Estado da Cultura/ Diretoria de Cidadadania Cultural e com a Secretaria Especial de Promoção da Igualdade Racial – SEPIR, além de diversos parceiros da sociedade civil como a Central do Movimentos Populares – CMP. 100_0863
     Ao chegar Yá Cecilia foi recepcionada no aeroporto por Mãe Carmen de Oxalá. À tarde será dedicada ao roteiro turístico e a boa mesa da culinária afro gaúcha, sem dispensar logo mais, o jantar em uma churrascaria na cidade.
100_0867

Nos próximos dias, no entanto, as atividades serão intensas: uma programação com palestras, bate papo, roda de capoeira, entrevistas e até um projeto de exposição fotográfica estão aguardando pelas Yalorixás.
    Para acompanhar e participar  das atividades acesse o programa no endereço

WWW.conexãoafro.wordpress.co

Chegou em Porto Alegre Prof. Dra. Yá Cecilia do Ilê Axé de Maraketu de Salvador

24 Jul

100_0862O Rio Grande do Sul amanheceu ensolarado, depois de semanas de frio e mau tempo. Prognóstico de dias mais quentes e melhores para receber a antropóloga bahiana Dra Yá Cecilia Conceição Soares, que vem a Porto Alegre à convite do Ilê de Tradição Templo de Yemanjá – ASSOBECATY. Para comemorar o Dia da Mulher Afro Latino Caribenha, Mãe Carmen de Oxalá produziu a estada da Yá compondo parcerias com a Prefeitura Municipal de Porto Alegre – PMPA, com a Secretaria Estadual do Estado da Cultura/ Diretoria de Cidadadania Cultural e com a Secretaria Especial de Promoção da Igualdade Racial – SEPIR, além de diversos parceiros da sociedade civil como a Central do Movimentos Populares – CMP. 100_0863
     Ao chegar Yá Cecilia foi recepcionada no aeroporto por Mãe Carmen de Oxalá. À tarde será dedicada ao roteiro turístico e a boa mesa da culinária afro gaúcha, sem dispensar logo mais, o jantar em uma churrascaria na cidade.
    100_0867

Nos próximos dias, no entanto, as atividades serão intensas: uma programação com palestras, bate papo, roda de capoeira, entrevistas e até um projeto de exposição fotográfica estão aguardando pelas Yalorixás.
    Para acompanhar e participar  das atividades acesse o programa no endereço

WWW.conexãoafro.wordpress.com

Representante de Mulheres de Odu na Assobecaty

21 Jul

O tempo anda mexendo com a ASSOBECATY, se contar ninguém acredita, por isso temos o compromisso de registrar a visita de Vivi- que é roteirista e produtora de Filmes –As mulheres de Odú

ela passou a tarde do dia 03 de julho, conhecendo um pouco da historia dos patrimônios imateriais Gruta de Mãe Oxum e Pedra de Xangô; Ela também pertence a comunidade tradicional de Terreiro Manso Dandalungua Cocuazenza na cidade de Salvador.

100_0803100_0800

Para afastar o frio a baiana tomou até chimarrão,  mas isso não impediu de prestar muita atenção na transmissão oral  que Mãe Carmen fez da  luta histórica que a Assobecaty,encabeça no municipio de Guaíba, acompanhada de religiosos que compõe duas Comissões a Permanente e Impulsora, destacando a persistência de Pai Roni de Ogum  e a perseverança de Mãe Geni de Yemanjá, lutadores incansaveis  pelo resgate dos dois  patrimônios.

100_0805100_0804

Mãe Carmen de Oxalá, Vivi de Dandalunda , Denise de Yemanjá e a Psicóloga Debora Lucia

Quem  ainda não conhece a história pode aguarda., que é só uma questão de tempo.

Jantar com os integrantes do Bloco Ilê Ayê "Negros do Sul – Lá também tem"

20 Jul

"Negros do Sul – Lá também tem" foi o tema escolhido.
100_0844Após  a escolha do  tema  que chama a atenção para a cultura negra no Sul do Brasil. Representantes do bloco tradicional Ilê Aiyê, chegam ao Rio Grande do Sul para realizar a pesquisa para cantarem no carnaval 2012  "Negros do Sul – Lá também tem". Os pesquisadores vieram  reconhecer a grande riqueza cultural de raiz africanas que esta presente no sul do país.

Este registro ocorreu na tarde do dia  ás 16 horas no  Gabinete de Politicas Pública para o Povo Negro da Prefeitura de Porto Alegre.

Irão ocorrer, visitas na capital e interior do estado com pesquisadores e integrantes do  famoso grupo baiano, primeiro bloco afro do país, que estão em Porto Alegre, com o objetivo de buscar informações acerca  história do negro. Recolher material  que irá subsidiar a elaboração do seu tema-enredo para o Carnaval 2012, que é "Negros do Sul – Lá também tem".

100_0851100_0856

Participamos da  recepção para os representantes do grupo,  aconteceu no restaurante Estação Porto, por meio de jantar, na quinta-feira(14). Onde estavam representantes de organizações que compõe o cenário do  movimentos negro  e religioso gaúcho.